"Essas palavras que escrevo me protegem da completa loucura." Charles Bukowski

sexta-feira, setembro 14, 2012

Fragmentos de um fim


 “Então, você quer sumir? Tudo bem. Perfeito. Mas some, tá? Sabe o que mais me encanta nas pessoas? A sinceridade em tuas promessas. Eu adoro quando as pessoas falam que vão me esquecer e realmente me esquecem. Não me procuram mais. Não me mandam e-mail, nem cartas, nem SMS, nem mensagens telepáticas. Nem me fazem surpresas ou coisas assim. E eu espero que você assine embaixo da tua escolha. Não esteja numa sexta-feira fria, assistindo TV e me ligue com aquele papo de estou-arrependido-e-bla-bla-bla. Nem aumente o teu teor de álcool em alguma festa com mulheres piores do que eu e resolva aparecer na minha porta gritando que me quer de volta. Seja homem, rapaz. Cumpra com a tua palavra. Vai lá. Segue que teu caminho e me deixe aqui com teus gritos de você-é-a-pior-pessoa-do-mundo. Eu sei me virar. Quer ver?
.: Hugo Rodrigues :.

5 comentários:

Rick disse...

Bom mesmo seria que quem dissesse que quer ir embora fosse embora pra sempre mesmo. Não ficasse com essa frescura chata de volta-não-volta.

Ainda que role esse papo de arrependimento, que os casais se gostem, não sei bem. Essas idas e vindas da vida são muito relativas.

Bjws, até breve. "_"

Rick disse...

Me deixa fazer um layout pra você?

"_"

Alene Mattos disse...

Layout?
pro blog?

Derluh Dantas disse...

Tenho tido pensamentos e dúvidas muito semelhantes... para que ir embora e depois dizer que vai voltar?

Por favor, depois de feridas cicatrizadas vai se arrepender no colo de outro alguém, talvez pior que eu! - tanto faz, pra mim!

Muito boa exposição!

Alene Mattos disse...

voltar e trazer mais dor?
de jeito nenhum!
é pra frente que se anda!