"Essas palavras que escrevo me protegem da completa loucura." Charles Bukowski

sábado, junho 01, 2013

E se for falar de amor, calarei em você.

 





Mas você prefere falar sobre o amor, né? Não sei porque as pessoas têm essa mania ridícula de falar sobre o amor e torná-lo coisa tocável, palpável como cartas perfumadas e/ou fotografias felizes. O amor não é isso. O amor é tímido demais para tais demonstrações públicas. Ninguém consegue declarar o seu amor a alguém. A gente fica apenas naquela tentativa vã de materializar em palavras a forma como nos sentimos perto do tal alguém especial que dizemos amar. Mas na verdade, amamos, apenas, o brilho que nos enche os olhos, a arritmia que nos dá e o suor frio que escorre pelas mãos. Amor é saúde com sintomas de doença.

E você? Você é apenas mais uma forma que eu achei para falar de amor. E vice-versa. Então, se eu for falar de você, falarei de amor. E se for falar de amor, calarei em você.

 Hugo Rodrigues

Nenhum comentário: